sábado, 25 / 05 / 2024
22.9 C
Campina Grande
sábado, 25/05/2024
22.9 C
Campina Grande

Parecer do MP não vê indícios de agressão de Aguinaldo Ribeiro contra ex-esposa

Também pode querer ler

O Ministério Público da Paraíba avaliou que não há indícios de agressão do deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) contra a sua ex-esposa Ana Rachael Targino, que o acusa de violência doméstica e patrimonial.

Em parecer do último dia 4 de abril, o qual o @blogmauriliojunior teve acesso, o Promotor de Justiça Rogério Rodrigues Lucas de Oliveira verificou que, “a promovente não apresentou documentos que revelassem, de plano, haver sofrido ameaças ou agressões físicas ou psicológicas de autoria do marido, a exemplo de prints de mensagens nessa linha ou mesmo boletim de ocorrência contra ele”.

Entre os pedidos feitos por Ana Rachael à Justiça está o bloqueio do passaporte de Aguinaldo Ribeiro. Para o Ministério Público, o pleito causou estranheza.

“Verifica-se a complexidade da matéria trazida pela requerente em sede estreita como a de pedido de medidas protetivas, em que não se aprecia, em tese, temas de nulidade de alterações contratuais, e mesmo retenção de passaporte, o que seria até incompatível, pois se a mulher vítima de violência de gênero pede proibição de contato com ela, entre outras medidas, não teria sentido que se opusesse a que o pretenso agente viajasse ao exterior, dado que, naturalmente, quer distância dele”, diz o parecer do MP.

Com Maurílio Júnior

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -

Últimas

Tombamento de veículo deixa um morto, feridos e mobiliza equipes de resgate na PB

Uma ocorrência com muitos feridos e uma morte mobilizou viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), do Corpo de Bombeiros e...
- Publicidade -spot_img

Relacionados

- Publicidade -spot_img