sábado, 24 / 02 / 2024
30.9 C
Campina Grande
sábado, 24/02/2024
30.9 C
Campina Grande

Pedro defende amplo programa de desenvolvimento econômico, gerando mais emprego, renda e oportunidades para os paraibanos

Também pode querer ler

Pedro Cunha Lima (PSDB), pré-candidato ao Governo do Estado, defendeu um amplo programa de investimentos no desenvolvimento econômico da Paraíba, gerando mais emprego, renda e oportunidades para a população. A fala foi realizada na noite desta segunda-feira (08) no segundo debate eleitoral realizado pela TV Arapuan/RedeTV.

Criar um ambiente de negócios favorável e desburocratizar a gestão devem ser prioridades. “Tenho uma visão que o poder público precisa ser parceiro de quem investe, valorizar quem gera emprego, ter um olhar para dar competitividade a Paraíba. Segundo levantamento Doing Business, feito pelo Banco Mundial, na Paraíba se leva 18 dias para se abrir uma empresa. A gente precisa reverter esse cenário onde Estados vizinhos são mais competitivos do que a gente, porque existe uma política pública aqui que torna mais difícil colocar em pé empreendimentos. Não dá para aceitar. Vamos ter uma atenção enorme para poder facilitar quem produz e dar competitividade ao nosso estado”.

Pedro defendeu investimentos que garantam segurança hídrica para potencializar o desenvolvimento dos municípios e acabar com a sede dos paraibanos. “É muito triste perceber que na Paraíba a gente tem a pior realidade do país em termos de segurança hídrica. O atual governador foi secretário de Recursos Hídricos por 8 anos, vai completar 4 anos como governador e não consegue dar ritmo a essas obras que são muito importantes. Vou citar apenas uma delas: a adutora Transparaíba, que ficou paralisada em 2019 por falta de pagamento ao consórcio contratado”.

É preciso garantir uma gestão mais eficiente, que dê celeridade na entrega de obras importantes ao Estado, destacou Pedro. “Nossa proposta objetiva é fazer com que o governo tenha senso de prioridade e acompanhe de perto cada obra dessas para que a gente consiga dar velocidade a esse novo sistema, que precisa ser instalado no nosso estado. Além disso, a construção de açudes é fundamental. Não faz sentido nenhum uma região como o Brejo paraibano ficar sem água, uma das regiões que mais chove no nosso Estado passar por isso. Temos que construir açude, para que quando chova, como está acontecendo agora, a gente possa ter mais reservatórios para atender a nossa necessidade”.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -

Últimas

Reunião no Fórum Afonso Campos fortalece a parceria entre Prefeitura de Campina Grande e judiciário, em defesa da causa consumerista

O encontro aconteceu na manhã desta sexta-feira (14), no Fórum Afonso Campos e contou com a participação de técnicos...
- Publicidade -spot_img

Relacionados

- Publicidade -spot_img